Tag Archives: Shopping Iguatemi

Páscoa sem coelho!

2 Abr

Muita gente contando mentirinhas nessa segunda-feira, ressaca de data festiva,  coelho e ovos de Páscoa. Infelizmente o casal se rendeu a passar esse feriado a base de carinho e gordice razoável! Ontem com tantas novidades, esquecemos do nosso post comemorativo do feriado. Mas, aqui estamos, fazendo uma coisa simples e bobinha para não deixar de postar.

Vocês devem ter imaginado, como o casal mais gorducho da Bahia passou o feriado sem seu dia de gordice habitual? Vejam bem, dia de gordice acontece todo fim de semana ou a véspera dele certo? Mas com feriado, somos tão preguiçosos para o “Dia G”, e não tínhamos um centavo para a troca de chocolate, que resolvemos comer algo diferente em um restaurante mesmo. Escolhemos o Osaka Sushi Bar, que fica no 3º Piso, Praça Newton Rique(Praça de Alimentação perto do cinema) do Shopping Iguatemi. Eu estou numa fase bizarra em que Temaki me satisfaz, dois então me deixa obesa. Lucas não suporta nada cru, então busca uma outra opção pra me acompanhar nessa farra.

Vamos ao momento Canelanza Culinária: O temaki é apenas um sushi maior e mais elaborado, que virou “febrinha” lá em 2008 onde teve o maior número de Temakerias abertas em Salvador, mas poucas conseguiram sobreviver depois que a moda foi passando, ou quando o Subway ocupou cada beco da cidade. Todos os recheios se misturam por cima do arroz: pasta de atum, morango com nutella, cocada, camarão à milanesa ou ainda cobertura de picanha! Seja qual for o sabor e o tamanho, a folha da alga nori (desidratada) deve estar no ponto certo, ou seja, crocante e durinha para segurar o recheio.

Agora poucas pessoas sabem o nome real da cobertura frita. Até hoje quando pedimos, fomos acostumados a chamá-lo de Hot Hool, que são os sushis menores. O Temahot é o nome certo para aqueles que não suportam o temaki como Lanza, e preferem saborear algo quente e crocante, mas com o mesmo sabor e ingredientes como: cream cheese, gergelim, gengibre, cebolinha, arroz, salmão.

Vejam agora as nossas opções:

20130402-185213.jpg

20130402-185227.jpg

 

20130402-185241.jpg 20130402-185255.jpg

Na minha singela opinião, o meu temaki de Salmão(não foi fotografado) não tinha um gosto bom e o de camarão era aquele famoso “dá pra mastigar e engolir”. O Temahot de Lanza é a melhor pedida pra quem for no Osaka, é gostoso e bem feito. Gostaria que o pessoal dessa franquia soubesse nossa opinião para melhorar, não sei se foi somente nesse dia, ou é sempre assim, mas cá pra nós, no Shopping Lapa tem um restaurante Japonês com Temakis bem grande e mais apetitosos. #ficaadica

 {beijos a todos!}

Anúncios

Fotografias – Crianças e Papai Noel

28 Nov

Post de Natal vai ser raro agora no Canelanza, principalmente com essa correria de fim de ano e fim de semestre.

Hoje dedicamos a fotografia! Agora que estamos sem máquina fotográfica – graças a sogra perfeita de Lucas Lanza que perdeu o cartão de memória – vamos abusar dos roubos de internet e a velha fotografia #podredoiphone. O que temos para essa noite é uma coisa bem cuti-cuti que tirei de uma conversa hoje a tarde no estágio. Já reparou que quando estreia decoração de shopping sempre as pessoas publicam que sentaram no colo do papai noel ou tiraram fotos com as noeletes(vulgo ajudantes de papai noel jovens) em redes sociais? Foi assim no Orkut e não mudou em nada no Facebook e no Instagram.

Mas ai que levantamos um assunto interessante e bacana de por no blog:

“Como eram e como são as foto de crianças com o Papai Noel?!”

Encontramos algumas em um roubo sacaninha de redes sociais e busca, vejam só:

Descobri nessa busca muitas coisas bacanas que eu não sabia. Tem um livro chamado “Quem tem medo do Papai Noel?” que reúne umas 250 fotos desse sofrimento maravilhoso durante essa época do ano. De primeira, o material foi publicado no jornal Chicago Tribune, um editor e um colunista pediram pros seus leitores enviarem centenas de registros de encontros desagradáveis entre crianças e o Papai Noel. Tem fotos até dos anos 50, compartilhadas por muitos leitores traumatizados na infância, e dos tempos atuais, de papais engraçados que acharam lindo a expressão de desespero de sua prole.

Não vou mentir a minha foi uma miséria negação! Tenho duas fotos em álbuns aqui em casa, e uma delas – É LÓGICO – sou eu me acabando de chorar. Gente, se seu filho não quer tirar foto com um velho barrigudo, NÃO TIRA! Não faz isso com o moleque, ele não merece! Como Lucas Lanza não se deu ao trabalho de procurar as fotos dele de infância, então não vou me humilhar a esse ponto, só para alegria de vocês. Fiquem com minha foto estilo #meninacomportada com o bom velhinho:

20121128-195706.jpg

{beijos para todos!}